Pr. IsmarLivros MensagensEstudosFotosContatos LinksHome

   
  O ERRO DOS JUDEUS E DOS GENTIOS ...  
  EXISTE DIFERENÇA ENTRE A IGREJA D ...  
  Veja Mais ›  
 

 
  ADMINISTRAÇÃO COM EFICIÊNCIA O RE ...  
  PARA A ETERNIDADE EXISTEM DOIS CA ...  
  Veja Mais ›  
     
 

 
 
 
(11) 97374-6766
 

  
 
 

 
 

 
 

RECONCILIAÇÃO

 

II Coríntios 5: 11 a 21

 

Vivemos o tempo da reconciliação. A palavra reconciliação entre os seus significados existe um que é uma confissão religiosa feita por devoção e sendo que isso cabe ao homem ou mulher confessar a Deus, arrepender-se e assim reconciliar-se com Deus. Nós vivemos ainda em tempo de reconciliação, isto é, ainda pode o ser humano obter reconciliação com o Altíssimo, basta para isso ter vontade de voltar a Deus. Diria a pessoa: não pequei, como posso reconciliar-me? Mas o apóstolo João diz que “Se dissermos que não temos pecados enganamo-nos a nós mesmos e não haverá verdade em nós e se confessarmos os nossos pecados Ele é fiel e justo para nos perdoar e nos purificar de toda injustiça”. (I João 1: 8 e 9).

 

Paulo diz que Cristo morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou. Eis como diz Paulo (II Corintios 5:15, 17 a 19) “E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.(...) Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. E tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo e nos deu o ministério da reconciliação” . Entende-se facilmente que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo. Partindo daí, cabe a raça humana optar pela reconciliação com Deus e não continuar no pecado, porque Jesus perdoa e exige que não pequemos mais. Veja em (João 5:14)  “Depois, Jesus encontrou-o no templo e disse-lhe: Eis que já estás são; não peques mais, para que te não suceda alguma coisa pior”. No capítulo (8: 11) Jesus diz a mulher pecadora, (...) “vai-te e não peques mais!”. Ainda em (Hebreus 10: 26) está escrito: “Porque se pecarmos voluntariamente, depois de termos recebido o conhecimento da verdade (reconciliação com Deus) já não resta mais sacrifícios pelos pecados”.

 

Há muitos hoje dizendo ser cristão, tendo um exemplar da Bíblia, professando fé evangélica, sendo até membro de alguma Igreja, mas vivendo dissolutamente conforme os prazeres do mundo não tendo testemunho com a própria vida, nada vale testificar com palavras e não viver o que se prega. A esses digo eu, procura se reconciliar com Deus porque haverá maior juízo devido ter negado com a maneira de viver, o que pregava com palavras.

Cabe aos leitores decidir se realiza a reconciliação com Deus ou não. Se as pessoas se reconciliarem, alcançarão o perdão e a certeza de vida eterna. Se não se reconciliarem, vejam como será a eternidade: “Mas certa expectação horrível de juízo e ardor do fogo, que há de devorar os adversários” (Hebreus 10: 27). Dirá a pessoa: como poderei crer nisso tudo? Faz-se necessário crer pela fé como nos diz a Epístola aos (Hebreus 11: 1) “Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem”. No versículo seis (06) diz o seguinte; Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.

Aqui está a vitória dos que crêem, porque crêem por fé e não por vista, porque a reconciliação é doce como mel, satisfaz  o paladar da alma, coloca-nos em comunhão com Deus e nos garante que entraremos na vida eterna de paz com Cristo Jesus. Amigos leitores se estiverem afastados dos ensinos de Deus procura o mais depressa possível se reconciliar com Deus que os fará de vencedores.

Creiam em Cristo, leiam a Bíblia e sejam felizes!!!

Pr. Ismar Vieira Malta

 

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR ESTE TEXTO

Nome:
E-mail:
   

Comentário:

(0 / 250)

Voltar

Pr. IsmarLivros MensagensEstudosFotosContatos LinksHome

© Copyright 2017 - Pastor Ismar Vieira Malta - Desenvolvido pela Agência de Sites Jundiaí e Portal Imóvel Já